segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Homenagem à Catalunha

Homenagem à Catalunha é uma obra do escritor e jornalista inglês George Orwell.
George Orwell é um dos mais conhecidos escritores do século XX e autor de duas das mais significativas obras publicadas nesse século: 1984 e A Quinta dos Animais. Estes livros, de marcado cunha político, retratam uma sociedade doente e que marca grande parte do século XX. Seja através da distopia de 1984 ou da parábola de A Quinta dos Animais, Orwell, genialmente, caracteriza o onírico e o real na perfeição.
Homenagem à Catalunha é um livro diferente. Defensor de ideias anarquistas, Orwell lutou ao lado da República durante seis meses na Guerra Civil Espanhola. Após ter sido ferido em combate assistiu às lutas intestinas dentro das facções apoiantes da República, nomeadamente à tentativa de destruição do movimento anarquista pelos partidos marxistas.
Homenagem à Catalunha é, portanto, um livro de relatos sobre a guerra. Mas, e ao contrário do que eventualmente poderia ser de esperar – dado que Orwell era jornalista – o autor não se limita a descrever, apoliticamente, a situação, antes tomando parte.
Para nós, que pouco sabíamos sobre a Guerra Civil Espanhola, Homenagem à Catalunha teve o condão de despertar o interesse por este conflito que minou a Europa na década de 30 do século passado. É que Orwell, de quem já conhecíamos o brilho através das suas obras mais conhecidas, mostrou ainda ser capaz de descrever com particular interesse uma realidade de muito difícil compreensão.
George Orwell é um dos autores que mais nos cativou com a sua obra. Homenagem à Catalunha é, naturalmente, diferente de 1984 ou A Quinta dos Animais. No entanto, é um livro soberbamente bem escrito de muito interesse para aqueles que procurarem compreender a Europa num momento que foi de enorme clivagem político-ideológica. Definitivamente, a ler!

Sem comentários: