sexta-feira, 29 de julho de 2011

After Dark - Os Passageiros da Noite

After Dark – Os Passageiros da Noite, é uma obra de Haruki Murakami, popular escritor japonês.
Ao longo dos últimos anos temos vindo a ler a obra de Murakami com um prazer sempre redobrado em função dos fantasiosos e magníficos mundos criados pelo escritor japonês que cativam extraordinariamente os leitores. E foi com essa expectativa que fomos para After Dark – Os Passageiros da Noite.
Apesar de o espírito e estilo de Murkami estarem presentes neste After Dark – Os Passageiros da Noite este não é um romance que possamos qualificar de extraordinário. Personagens bem desenhada, enigmáticas e em alguns casos quase mirabolantes, mas um argumento bem mais fraco do que o habitual.
A ideia de uma noite por um bairro de Tóquio, embora potencialmente fascinante (sobretudo quando o autor é Murakami), não foi capaz de nos encantar. Não que o livro seja mau, porque não é. Mas fica abaixo do inicialmente esperado, como que uma desilusão.
Murakami é um escritor extraordinário, de excepção, onde se realça a facilidade de cruzamento entre duas culturas que se encontram tão nos antípodas. Note-se, no entanto, que não é por After Dark – Os Passageiros da Noite ser um livro menos conseguido que Murakami deixa de ser um dos melhores.

7 comentários:

Margarida disse...

Ai!
Fiquei fascinada com o 'Kafka...'; depois comprei um montão e já li o 'Suzuki...', do qual não gostei. Soube a... palha.
Se este também desilude...
E a nova trilogia que faz furor 'lá fora' já leu?

Filipe de Arede Nunes disse...

Margarida,

Não sei qual é essa "nova trilogia". Do que está publicado em português falta-me ler pouco. Este não é fantástico mas não deixa de ser uma leitura agradável.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Margarida disse...

OK, cá vão umas pistas:


http://www.randomhouse.com/features/murakami/site.php?id=

http://criativemo-nos.blogspot.com/search?q=Murakami

(eu sei que escrevi mais a propósito, mas não consigo achar as palavras-chave...)

The fanatic reader disse...

Não é o melhor de Murakami mas é excelente. Este é para mim o melhor escritor vivo.

Margarida disse...

... e o que é o 'melhor' dele?
Li três e só gostei a sério do 'Kafka...' (por acaso, o primeiro, vai daí, no entusiasmo, fui à livraria e comprei uma meia dúzia, os que lá havia..
O Sputnik e A Sul da Fronteira, a Oeste do Sol..., não gostei tanto..., enfim, parecem-me primários, face ao Kafka, por certo eram-lhe anteriores...
Fui em contra ciclo, parece, mas n
ao conhecia este blogue e os seus conselhos:

http://murakami-pt.blogspot.com/2010/06/por-qual-comecar.html

Tiago M. Franco disse...

Este foi o meu primeiro livro de Murakami, como não tinha nenhum ponto de comparação gostei bastante da obra. Também já li Sputnik meu amor, além de o considerar um bom livro, confesso que espera mais.
Murakami tem sido apontado nos últimos anos como um dos mais fortes candidatos a Nobel da Literatura.

miGuel pesTana disse...

Só li deste autor "Sputnick meu amor". Fiquei com "aquele bichinho" para ler mais obras do autor.