terça-feira, 24 de agosto de 2010

O Homem Duplicado

O Homem Duplicado é um romance do recentemente falecido Nobel português José Saramago, um dos maiores autores em língua portuguesa do século XX e provavelmente o mais original de todos!
Saramago, ao longo da sua vida, escreveu dezenas de romances de enormíssima qualidade. A forma apaixonada como se expressava era um elogio à arte de bem contar uma história. Para mais, Saramago escreveu numa vida muito daquilo que a maioria dos escritores – a nível mundial – não saberiam ou não teriam coragem de escrever em cem vidas!
No entanto, e apesar de consideramos Saramago um génio, O Homem Duplicado não nos deixou particularmente entusiasmados ou fascinados. Sendo uma ideia interessante – talvez mesmo original? – a verdade é que este livro não nos cativou na mesma medida que outras obras lidas do mesmo autor recentemente. Parece que faltou qualquer coisa para que o livro se pudesse tornar inquestionável para nós! Sobretudo porque em algumas alturas parece que a narrativa é quase previsível.
Nada disto obsta a que este O Homem Duplicado não seja um bom livro, porque o é. Talvez não seja é aquilo que se poderia esperar de uma temática tão interessante como o título sugere. Como é óbvio as personagens estão muitíssimo bem desenvolvidas – sobretudo do ponto de vista psicológico – e os ambientes narrados ao estilo saramaguiano onde impera a capacidade de imaginação do próprio leitor.
José Saramago brindou-nos ao longo dos vastos anos da sua existência com magnificas obras literárias. Talvez O Homem Duplicado não seja o melhor dos seus trabalhos mas é um bom livro e certamente os fãs deste do Nobel português vão conseguir descobrir os seus encantos! Recomenda-se, naturalmente!

6 comentários:

Ana Luisa Alves disse...

Olá! Gostei muito deste blog! Tem criticas a livros muito bons! ;)
Cumps!
Alu

Pedro disse...

Ainda não tive a oportunidade de ler, mas parece que é da opiniõ da maioria que este se afasta das grandes obras de Saramago.
Eu acredito que vou gostar, ou não fosse eu fã.

djamb disse...

Estou muito curiosa por este livro, mas de momento estou a ler "Intermitências da morte", de Saramago. Até ao momento, estou a adorar! :)

Fernando disse...

Hey Filipe, concordo exactamente com tudo o disseste sobre O Homem Duplicado, é um bom livro mas está longe daquilo que estava à espera vindo de Saramago.

Aproveito para te dizer que o Biblioteca Transmissível foi adicionado à barra lateral de Outras Leituras do meu blog O Travessão, se quiseres passa por lá e aproveita para espreitar a minha opinião sobre O Homem Duplicado.

http://www.otravessaoblog.blogspot.com

Boas leituras e cumprimentos

Fernando

Rodrigo disse...

Olá,

Estamos convidando pessoas que já comentaram sobre as obras de Haruki Murakami para participar da versão beta de um projeto acadêmico baseado no livro Kafka à Beira-mar. Trata-se de uma nova plataforma de compartilhamento de conteúdo digital na forma de "micro-narrativas". Caso tenha interesse, entre com contato, ok?

Att,

Rodrigo Leles - rodrigoleles.com@gmail.com

Luzia disse...

Muito interessante o seu blogue. Encontrei-o quando procurava algo sobre o homem duplicado que já li, em tempos, e agora vou estudar na faculdade.
Os meus preferidos são O Ensaio sobre a cegueira e o Evangelho Segundo J.C.Deslumbrantes mesmo. Fiquei fã de Saramago desde o Memorial do Convento e nunca mais o abandonei.
É impossível.
Voltarei muitas vezes para consultar o seu blogue. Sou uma principiante na literatura e preciso aprender com qeum sabe.
Bom fim de semana.
Luzia
Luzia